SEJA BEM-VINDO.

Este é um blogue humilde.

Espero, que se sinta bem, aqui.



Nem sempre o dia amanhece, igual

E, então, a nossa Alma, por tal

Reflete a luz de modo diferente

O importante é olhar o mundo

E tentar entender o seu profundo

E caricato modo de moldar a gente





Espero, que aprecie os momentos, que

estiver, aqui, e que esse seja um motivo,

para que volte.





POR FAVOR, DEIXE OS COMENTÁRIOS NOS POEMAS, APENAS.

CASO CONTRÁRIO ACABARÃO, POR PERDER-SE, AQUANDO DA

RENOVAÇÃO DO BLOGUE



apsferreira



quarta-feira, 20 de abril de 2011

A Doce Espera

Nesta espera eu não desespero
Porque a tua doçura me amansa
E, em mim, gera uma abençoada bonança
Que veste esta minha quimera
De uma vera felicidade, tão intensa
Nesta imensa vontade de te ter
Por que todo o meu ser se esmera
E a que o meu querer se apega
E o meu âmago se entrega

Tu nem sonhas o quanto eu te quero
Pois, tu geras calma em minha Alma...

apsferreira

Um comentário:

Série Brasileira Apaixonada disse...

Um belo poema, doce e calmo!

Parabéns!