SEJA BEM-VINDO.

Este é um blogue humilde.

Espero, que se sinta bem, aqui.



Nem sempre o dia amanhece, igual

E, então, a nossa Alma, por tal

Reflete a luz de modo diferente

O importante é olhar o mundo

E tentar entender o seu profundo

E caricato modo de moldar a gente





Espero, que aprecie os momentos, que

estiver, aqui, e que esse seja um motivo,

para que volte.





POR FAVOR, DEIXE OS COMENTÁRIOS NOS POEMAS, APENAS.

CASO CONTRÁRIO ACABARÃO, POR PERDER-SE, AQUANDO DA

RENOVAÇÃO DO BLOGUE



apsferreira



terça-feira, 9 de novembro de 2010

Saudade, à toa

Ter saudades, de quem não se conhece
É coisa que parece
Não ser coisa, de gente “boa”

Quem sente saudades à toa
É porque, em sua vida só acontece
Coisa triste… - que magoa

apsferreira

Um comentário:

celina vasques disse...

Belissima saudade a tua querido poeta!
De uma sensibilidade única!
beijos meus!