SEJA BEM-VINDO.

Este é um blogue humilde.

Espero, que se sinta bem, aqui.



Nem sempre o dia amanhece, igual

E, então, a nossa Alma, por tal

Reflete a luz de modo diferente

O importante é olhar o mundo

E tentar entender o seu profundo

E caricato modo de moldar a gente





Espero, que aprecie os momentos, que

estiver, aqui, e que esse seja um motivo,

para que volte.





POR FAVOR, DEIXE OS COMENTÁRIOS NOS POEMAS, APENAS.

CASO CONTRÁRIO ACABARÃO, POR PERDER-SE, AQUANDO DA

RENOVAÇÃO DO BLOGUE



apsferreira



sexta-feira, 13 de maio de 2011

Aniversário da Beatriz (Locutora Flor de Esperança)

Tão frágil, quanto bela
Tão singela como as do campo
Meiga Flor, de meigo amor
Meiga dor em meigo pranto
A sua Alma exala a calma
De uma aurora de espanto
Doce beleza - doce certeza
Esta Alma que eu canto

Que o Mundo seja teu
E se abra a teus pés
Nesta Vida que Deus te deu
Linda Flor... Sê sempre, como és

apsferreira

2 comentários:

Susan disse...

Que lindo poema Albano , cada vez mais tua escrita fica com um tom mais e mais bonito , já sentia saudades de como é bom te ler !!!
Um beijo
Susan

Flor de Esperança disse...

Querido amigo Albano,
lindos versos que me descreves em uma perfeição que você com toda sensibilidade pode perceber-me. Faltam-me palavras para lhe agradecer o carinho e atenção, deixou-me emocionada.
É maravilhoso ler-te.
Deixo-te: Raios desse sol que por aqui agora brilha e flores colhidas no jardim da esperança, tecendo luz e sorrisos em seu caminhar.
Beijos em seu coração
Flor de Esperança (Beatriz)