SEJA BEM-VINDO.

Este é um blogue humilde.

Espero, que se sinta bem, aqui.



Nem sempre o dia amanhece, igual

E, então, a nossa Alma, por tal

Reflete a luz de modo diferente

O importante é olhar o mundo

E tentar entender o seu profundo

E caricato modo de moldar a gente





Espero, que aprecie os momentos, que

estiver, aqui, e que esse seja um motivo,

para que volte.





POR FAVOR, DEIXE OS COMENTÁRIOS NOS POEMAS, APENAS.

CASO CONTRÁRIO ACABARÃO, POR PERDER-SE, AQUANDO DA

RENOVAÇÃO DO BLOGUE



apsferreira



segunda-feira, 14 de dezembro de 2009

Declaração de Amor

Querida, linda, amor, quanta saudade...
Até, a ti, leva, o vento, esta minha vontade.
Como queria eu poder, agora, te abraçar.
Dizer-te, quanto te amo e poder te beijar.
Sentir o teu amor, o seu calor, a sua fecundidade.

Querida, linda, amor, isto é a saudade,
Pelo amor, que, por ti, sinto, de verdade.
Como, queria, eu, poder, sentir-te; tocar-te...
Encontrar meios, modo, ou qualquer arte,
De por termo a toda esta iniquidade.

Querida, linda, amor, faz-me a saudade,
Sentir teu calor, teus beijos; a sua intensidade.
Arder meu ser; minha alma, na fogosidade,
Dum sonho, que um dia se tornará, em realidade,
Por ser filho da nossa, sincera e mútua, vontade.

apsferreira

Um comentário:

marga disse...

LINDA DECLARAO DE AMOR MEU AMIGO,SE TODOS OS HOMENS DIZESSEM OQ SENTEM DEIXARIAM AS MULHERES MAIS TRANQUILAS RSRS BJSSS PRA VC